Militaria e Cutelaria reunidas em um só lugar.

MENU

Informações Úteis

Pistola ou revólver?

Uma grande dúvida para quem deseja comprar uma arma curta é saber qual a melhor opção, revólver ou pistola.

Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Pistola ou revólver?

 
 
 
Uma grande dúvida para quem deseja comprar uma arma curta é saber qual a melhor opção, revólver ou pistola. Para alguns a melhor opção é o revólver, para outros a pistola. Em ambos os casos, existe vantagens e desvantagens...

O revólver é uma arma mais simples de usar, requer menos manutenção e limpeza que uma pistola. No revólver, as munições são colocadas no cilindro (tambor), na maioria das vezes comporta menos munições que as pistolas e tem um recarregamento mais lento, sendo essas as principais desvantagens.
 
Seu mecanismo funciona a partir do recuo do “cão”, sendo por ação dupla (quando puxamos o gatilho sem engatilhar previamente o cão) ou ação simples (primeiro engatilhamos para depois dispararmos).

No momento que o “cão” recua, o cilindro gira e alinha uma das câmaras contendo a munição ao cano.
 
A principal vantagem do revólver em relação as pistolas é que, caso um munição falhe, basta engatilhar novamente e disparar ou simplesmente acionar o gatilho que o cilindro irá girar e disparar outra munição.
 
As pistolas são alimentadas por carregadores, em sua grande maioria contendo o dobro (ou mais) de capacidade de munições que um revólver.
 
Para municiar uma pistola, coloca-se o carregador contendo as munições e puxa-se o “ferrolho” todo para trás, de forma que quando o ferrolho retornar ao lugar de origem, levará a munição para a câmara. Após o disparo, o estojo é ejetado em virtude da ação dos gazes resultantes da combustão da pólvora e o ferrolho faz o mesmo movimento para trás e quando retorna leva outra munição para a câmara, deixando a arma pronta para novo disparo.
 
É uma arma mais rápida para disparar que os revólveres e também para remuniciar pois, basta somente trocar um carregador vazio por outro cheio, sendo estas suas principais vantagens.
 
As pistolas requerem mais limpeza – principalmente após disparos – por terem um mecanismo mais complexo. Também precisa de um pouco mais de “treino” com pistolas pois além de possuírem travas, são mais fáceis de acontecerem falhas (engasgar) e quando isso acontece, é necessário que o atirador puxe o ferrolho todo para trás para remuniciar novamente a arma.
 
Independente da arma que pretende comprar, é imprescindível que esteja bastante familiarizado com ela afinal de contas, ela será a sua segurança.
 
Na tabela abaixo temos um quadro comparativo entre pistola e revólver:
 
FUNÇÃO PISTOLA REVÓLVER
Poder de fogo Neste quesito, as pistolas apresentam ampla vantagem, sendo comum atualmente usarem carregadores com capacidade acima dos 15 cartuchos. Desta forma, um atirador pode facilmente levar consigo cerca de 50 cartuchos, sendo a recarga, com um mínimo de treino, algo rápido e simples. O grande “calo” da arma. O tambor permite pouca quantidade de munição, em média 5 a 7 cartuchos. Devido à necessidade de se retirar os estojos das câmaras antes, a recarga é demorada, o que pode ser amenizado com o uso dos chamados “Speed Loaders” ou “Jet Loaders”.
Portabilidade Vantagem para as pistolas devido à sua espessura em geral ser mais ser mais fina e praticamente a mesma em toda a arma. Embora não seja algo impeditivo, devido à grande variedade de modelos e tamanhos ofertados, a grosso modo, comparando com a pistola, a portabilidade do revólver é inferior devido ao volume do tambor.
Segurança Quanto à segurança, as pistolas modernas contam com travas externas e mecanismos internos que tornam a sua operação bastante segura. Entre elas podemos citar: Segurança do gatilho, trava do percussor, trava de empunhadura, etc. É importante frisar que quanto mais dispositivos de segurança uma arma empregar, mais peças serão usadas, consequentemente aumentam também as chances de avarias. No que se refere à segurança, o revólver não fica nada a dever às pistolas. O mecanismo simples, somado ao uso da Barra de Transferência ou Calço de Segurança, tornam a arma “quase” a prova de tiros acidentais.
OBS: Seja qual for a arma utilizada, dispositivos de segurança jamais podem ser considerados infalíveis e substitutos do “Bom Senso”.
Facilidade de manejo A pistola, por utilizar tecnologia mais sofisticada, requer um nível de treinamento maior de seu utilizador, principalmente, no que se refere à solução de panes. Entretanto, nada que um curso básico e treinamento constante não superem com facilidade. Os modelos mais modernos já foram adaptados para uso de destros e canhotos, sendo chamados de totalmente “Ambidestros”. De mecânica simples, o revólver neste quesito é insuperável, sendo sua operação extremamente simples. Seu manejo por canhotos requer o desenvolvimento de técnicas individuais, porém, sem grandes dificuldades.
Peso do gatilho/precisão Em geral, as pistolas após o primeiro tiro funcionam em ação simples, ou seja, o mecanismo de disparo já se encontra armado antes do tiro, o que torna o acionamento do gatilho mais leve e por consequência dá maior precisão à arma. Os revólveres modernos podem funcionar tanto em ação simples como dupla. Imagina-se que no seu uso em defesa, para ganhar rapidez, o tiro será executado em ação dupla, o que torna o gatilho mais pesado, resultando em perda de precisão e de velocidade de tiro.
Empunhadura Neste aspecto, a vantagem da pistola é insuperável. As excelentes ergonomias das empunhaduras modernas tornam o tiro com a arma mais confortável e o controle do recuo bastante facilitado. Devido ao formato curvo do cabo e a posição alta do cano em relação ao cabo da arma, no que se refere ao conforto da empunhadura e administração do recuo, o revólver é inferior às pistolas.
Confiabilidade Devido ao número de panes que uma pistola pode apresentar (Pane seca, nega de munição, chaminé, duplo carregamento, embuchamento), ela é, sem dúvida, se comparada ao revólver, menos confiável. Por seu funcionamento simplificado, sendo necessário em caso de pane apenas novo acionamento do gatilho, o revólver é uma arma bastante confiável.

Comentários:

Publicidade
Publicidade

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!